A explosão californiana chamada THE OC
[editar artigo]

A explosão californiana chamada THE OC

Um fato sobre mim: Eu amo praia! Obsecada, daquelas que viajam por horas apenas para conhecer uma nova paisagem praiana... E foi essa paixão que sempre me atraiu para séries com esse apelo. Foi então que no início dos anos 2000 ouvi falar de uma show ambientado em local paradisíaco. Confesso que na época achei super estranho o seu título: Um estranho no paraíso, hahá essa ė boa! Mas era na praia né, parecia pra mim inevitável conhecê-la...E foi! E que bom que isso aconteceu!Porque nada mas foi o mesmo desde que Ryan Atwood, Marissa Cooper, Seth Cohen e Summer Roberts invadiram a tv. Contando histórias densas e relevantes pelos olhos de atores carismáticos esbanjando talento ( E beleza vale salientar) não demorou muito para THE OC conquistar corações ao redor do mundo. Sexualidade, anorexia, alcoolismo, problemas mentais, abandono familiar eram alguns dos temas apresentados na série que nunca teve medo de se expor, apresentando duras realidades de forma clara, objetiva é muito bem executada. "Eu vou te contar uma coisa, de onde eu venho sonhos não trazem  inteligência, saber que não  se realizam trás sim" - E ė com esse chacoalhar do protagonista que iniciamos a jornada em Newport Beach. A premissa era intrigante: Garoto pobre de família desestruturada, com ausência de figura paterna, mãe alcoólatra e irmão envolvido com a criminalidade acaba caindo no sistema prisional após frustado roubo de carro que acaba por se agarrar a um único fio de esperança oferecida pelo experiente defensor público Sandy Cohen, que compadecido pela situação de desespero do qual o garoto se encontra, acaba por levá-lo para sua casa, afim de oferecer-lhe abrigo temporário enquanto continua a defender seu processo. E foi aí que o "estranho" encontrou o "paraíso", localizada na ensolarada Orange County, comunidade recheada de famílias abastadas que vivem seus amores e dissabores muito bem escondidos atrás de cortinas glamourosas e roupas de grife. Quem ė você? Quem você quiser que eu seja! E com essa troca atrevida de palavras somos apresentados a Marissa Cooper, interesse romântico de Ryan. Inteligente, atraente e festeira a loira visinha dos Cohen aproveita a vida sem limites, encontrando no excesso de bebida um escape para sua vida glamourosa e vazia. E essa atração instantânea seria a verdadeira bomba relógio que impulsionaria o inicio do seriado. Mas oque seria da adolescência sem nossos melhores amigos não ė mesmo? Na casa dos Cohen nosso então garoto problema conhece Seth, um atípico garoto solitário e nerd que utiliza sua inteligência e ironia para sobreviver em meio às futilidades da comunidade que vive e tanto odeia. A chegada de Ryan se torna um suspiro de alívio para o herdeiro dos Cohen que encontra nele um amigo e parceiro para dividir suas alegrias e inseguranças juvenis. Inseguranças essas que são alimentadas principalmente por um intenso e inabalável amor não correspondido pela melhor amiga de Marissa, a musa Summer Roberts. Gatota atrevida, extrovertida e até meio esnobe Summer esbanja jovialidade e carisma. Toda presunção e superficialidade que irritam a primeira vista são apenas uma máscara que a jovem ostenta para não demonstrar todas as dúvidas e incertezas típicas de uma adolescente de sua idade. Irá protagonizar com Seth as mais engraçadas e apaixonadas cenas da série. Como não amar a quase trágica recriação de beijo famosa do filme do Homem Aranha ou da surpresa a lá Mulher Gato mas nerd já vista na tv.  Enfim, com o quarteto formado aprendemos semanalmente a amar todas as reviravoltas, alegrias e sofrimentos  de THE OC, onde o amor e a tragédia está a um ecoar da canção Hallelujah. Realmente podemos classifica-la como uma daquelas séries apaixonantes super fáceis de se acompanhar, (Apesar se sua controversa última temporada, que divide opiniões até hoje) e que ganha o espectador no embalo do vai e vem das ondas do mar. Então pega o balde de pipoca e começa agora a maratonar esse clássico jovem e sempre atual! E vamos juntos em um só cantar de Califórnia, Californiaaaaaa Here We Come...

Adriane Benício
Adriane Benício Seguir

Administradora por formação e sonhadora de coração! Desde muito cedo aprendeu as delícias de viver várias vidas madrugada a dentro atravéz da literatura e séries. Ama cachorros, praias e pizza! E vive sendo feliz um sorriso de cada vez...

Continue lendo
Indicados para você